Home

Riscos da desidratação

Precauções na alimentação e na hidratação são necessários para otimizar o preparo dos atletas.

fb_desidratacao

O tempo seco é um grande inimigo dos #apaixonadosporcorrida. E para driblar questões ambientais, a hidratação antes e após as provas é essencial. Além disso, a alimentação saudável durante o período de treinos também é parte fundamental no preparo e equilíbrio do organismo do atleta.

A sudorese é um processo comum no nosso organismo – e vital para manutenção da temperatura corporal –, mas é a principal causa da desidratação para os corredores, e pode fazer com que o atleta perca até dois litros de água em uma hora (variando de acordo com o condicionamento físico, condições ambientais, intensidade, dentre outros fatores externos e pessoais).

Com isso, antes das provas a alimentação também tem papel fundamental para evitar a desidratação: o organismo equilibrado garante maior rendimento na competição, evitando maior esforço, fazendo com que o atleta perca menos água do que se tivesse menos preparado.

A reposição dos carboidratos em atividades acima de uma hora deve ser de 30g a 60g por hora de exercício, auxiliando na manutenção dos níveis de glicogênio muscular (e diminuindo a fadiga).

A ingestão de líquidos recomendada após os exercícios é de aproximadamente 460 ml para cada 0,5 kg de peso corporal perdido durante o treino. Isotônicos e água são recomendados para a hidratação.

1200x900_FestivalAsics

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *