Home

Entre regras e mitos.

Saber quais regras seguir, como se aquecer, o que é mito e o que é verdadeiro são dificuldades reais para os iniciantes – e até para alguns veteranos – na corrida. Afinal, como um telefone sem fio, diversas teorias são criadas, alteradas, repetidas, e dificilmente sabemos qual seguir fielmente para melhorar nossos desempenhos. Hoje vamos ver alguns dos mitos e verdades desenvolvidos pelas crenças populares no mundo da corrida.

Sempre deve se alongar antes de treinar

O alongamento estático, esticando e puxando os músculos, é muito menos eficiente do que um alongamento dinâmico, com polichinelos, saltos, agachamentos, etc. para o pré-treino. No entanto, o aquecimento continua sendo vital e indispensável, mesmo com o alongamento dinâmico.

Corrida é mais efetiva que caminhada

Afinal, o que determina um treino melhor do que outro? Você que define, a partir do seu objetivo. Se você quer emagrecer, melhorar seu condicionamento, tonificar os músculos, você é quem altera o ritmo e intensidade da caminhada ou da corrida. Para muitos, uma caminhada pode ser muito mais produtiva do que praticar uma corrida, e vice-versa.

Cãibras são causadas pela falta de potássio

Na verdade, pode ser causada sim, pela falta de potássio. Mas muitos fatores antecedem essa deficiência como baixos níveis de magnésio e sódio, hidratação insuficiente, falta de alongamento e excesso de esforço. Ou seja, não adianta ingerir mil bananas depois de sentir a cãibra. O melhor é parar, se hidratar, alongar a região afetada e esperar a dor passar.

E, por mais que não queiramos, é comum ouvirmos algumas dessas crenças e, muitas vezes, acreditamos nelas. Conhece alguma que não foi listada aqui, apaixonado por running? Comente!

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Tags: