Home

A Corrida (en)contra o Verão


Verão de 30ºC, sensação térmica de 40ºC, e você tentando treinar e se preparar para as corridas do primeiro semestre. Parece que o vento não bate, e o alívio do calor só vem com aquela leve brisa, que mal chega e já some. Isso faz com que muita gente acabe evitando o treino, e estabelecendo os objetivos nas estações mais frias, quando a preparação para as maratonas e corridas já estão muito próximas, não permitindo sua melhor performance.

A melhor maneira de se preparar é estabelecendo metas, se preparando gradualmente, de maneira consistente e com um foco. Preparar-se apenas nas estações posteriores, por mais que o clima seja mais ameno, pode trazer complicações e dificultar seu preparo. Por isso, temos aqui algumas dicas para planejar da melhor maneira os treinos pra que você possa atingir sua meta da melhor maneira!

As Maratonas exigem treinos constantes, e as provas que são realizadas a partir de Março fazem com que a preparação intensa seja feita no calor do Verão. Para se livrar do clima escaldante, é possível estabelecer a rotina de treinos em períodos mais frescos, como o começo do dia ou de noite. O treino deve ser regular, mas caso você decida descansar por uma semana, volte na mesma intensidade que parou, e retome a preparação. O descanso não afetará de maneira crítica seu desempenho.

Para a meia-maratona, o treino deve focar no desenvolvimento da velocidade de uma corrida de 5K, com força aeróbica de uma maratona. Vale treinar as corridas longas por um período, e a velocidade em outro. Para a recuperação do corpo, vale um descanso ativo como natação, ioga ou corridas leves, por exemplo.

Pra quem quer correr seus primeiros 5Km, o segredo é lidar com a velha estratégia do “devagar e sempre”. Estabelecendo objetivos iniciais como, pelo menos, 10 minutos diários, você faz com que a corrida se torne uma rotina. A partir daí, gradualmente, você segue aumentando o tempo de corrida/caminhada até chegar a 30/45 minutos, buscando correr quatro dias por semana, consistentemente, até Março.

Para a prova em trilha, por outro lado, o ritmo deve ser mais intenso: o reforço do tornozelo, e o treino constante com repetições em subidas, te preparam e simulam as dificuldades que você vai encontrar posteriormente na prova, como aprender a lidar com o terreno irregular.

Se a meta for correr mais longe, vale aumentar em 10% a quilometragem semanal a cada uma das três semanas, sendo que a corrida longa não deve ultrapassar 75% de seu ritmo atual, de maneira moderada.

Basta estabelecer seu objetivo, mantendo o ritmo de treino, de maneira consistente. Com foco, e sem fugir, todos podem atingir suas metas, e estrear com a melhor performance nas primeiras provas!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Copyright © 2003-2011 - Centauro.com.br. Todos os direitos reservados.