Home

O risco de uma viagem antes da maratona

Quem não perde uma boa corrida, dificilmente consegue ficar de fora de grandes maratonas. É a chance de correr lado a lado com outros apaixonados pelo esporte, de avaliar o seu desempenho e se enfrentar o desafio de cruzar a linha de chegada. O que muitos maratonistas não têm conhecimento, no entanto, é que fazer uma viagem até o local da maratona pode representar riscos.

Uma série de estudos realizados pela Clinical Journal of Sports Medicine, revista científica em Ciências da Saúde e Medicina Esportiva, alertou sobre a influência que as viagens aéreas exercem sobre o processo de coagulação e fibrinólise (quebra do coágulo), que é induzido pela atividade física em maratonistas. A mesma situação pode ser aplicada para viagens de ônibus, trem e carro, situações em que as pessoas costumam passar muito tempo sentadas.

Uma viagem de 4 horas ou mais, por si só, aumenta em quase duas vezes o risco de coágulos no sangue. O excesso de carga física – a exemplo da participação em uma maratona -, somado a uma viagem prolongada, pode aumentar ainda mais esse risco da formação de coágulos no sangue. Há vários casos documentados de Trombose Venosa Profunda – TVP (coagulação de sangue nas veias profundas das pernas), e a Embolia Pulmonar – PE (coagulação de sangue nos pulmões), em corredores saudáveis, que fazem viagens aéreas constantes para as competições.

Segundo a Dra. Parker, do Hartford Hospital, localizado nos Estados Unidos, os atletas devem adotar certos procedimentos ao viajar para correr uma maratona. “Evitar ficar parado por um longo tempo, não vestir roupas apertadas em torno da coxa, manter-se bem hidratado e utilizar meias elásticas com a devida compressão que ajudem a circulação sanguínea das pernas, evitando assim o refluxo sanguíneo, são algumas das precauções aconselháveis”, afirmou, em entrevista ao Estadão.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Copyright © 2003-2011 - Centauro.com.br. Todos os direitos reservados.