Home

Copa do Mundo – Rodada do dia 17.06.2014


Foto: Brazil Photo Press/Folhapress

O palco era o mesmo da Copa das Confederações de 2013. O adversário também. A torcida repetiu o lindo gesto na hora de cantar o Hino. Mas nada disso foi o suficiente para que o placar, ou pelo menos a vitória, se repetisse. Não conseguimos vencer os mexicanos graças ao inspiradíssimo goleiro Ochoa. Foram pelo menos 4 defesas sensacionais.

Brasil e México fizeram um jogo muito pegado, que teve domínio da amarelinha no começo. Mas conforme o tempo passou os mexicanos ficaram mais à vontade. A marcação era forte e nossos craques até conseguiam se sobressair em lances individuais. Quando a defesa adversária dava oportunidades, Ochoa estava lá para garantir que o placar não fosse alterado.

Os mexicanos também atacaram, mas as suas chances reais de gol foram bem menores. A Centauro fez a cobertura ao vivo, relembre todos os lances capitais aqui.

O empate  mantém o Brasil na liderança do Grupo A, mas nos deixa na obrigação de vencer Camarões para não dependermos de outros resultados para manter o 1º lugar.

Bélgica e Argélia fizeram o primeiro confronto do dia no Mineirão – e poucos achariam que seria um jogo tão eletrizante. A Bélgica entrou em campo como favorita absoluta e teve grande posse de bola durante toda a partida. No entanto, quem saiu na frente foi o time argelino. Feghouli sofreu pênalti e cobrou: chute rasteiro no canto esquerdo do goleiro, sem chances para Courtois.

No segundo tempo a Bélgica seguiu com maior posse, com o ataque sendo comandado por De Bruyne, mas sem conseguir criar chances efetivas. A saída do volante Dembelé, no meio da segunda etapa, foi crucial no esquema tático belga: com a entrada de Fellaini, meia, o time ficou mais ofensivo. E foi com um cruzamento de De Bruyne e com a presença de área de Fellaini que saiu o primeiro gol. De cabeça, o meia do Manchester United empatou o jogo. E bastou uma bola roubada de bola no ataque argelino, em um contra-ataque puxado por Hazard. Assistência para Mertens, e virada pra cima da Argélia. 2 a 1, três pontos para a Bélgica no Grupo H!

No segundo jogo do Grupo, Rússia e Coreia do Sul protagonizaram um jogo que também foi rico em emoções, mas só a partir dos 22 minutos do segundo tempo. Tudo começou quando Akinfeev, goleiro da Rússia, aceitou o chute de Lee Keun Ho de fora da área, protagonizando um dos maiores frangos do Mundial (até então).

Pra aliviar um pouco a barra do arqueiro, seus colegas conseguiram igualar o placar mais uma vez.  Aos 28 do segundo tempo o atacante Kerzhakov, que havia entrado 5 minutos antes, conseguiu empatar após um bate rebate na área Coreana. Com o resultado a Bélgica se isola na liderança do Grupo H.

O que você achou dos jogos de hoje? E da atuação brasileira? Temos algo com que nos preocupar? Comente e participe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>