Home

Convocados para a Copa!

Todas as seleções estão convocadas para a Copa do Mundo! Vamos conferir as listas dos cabeças de chave, e os craques que podem fazer a diferença na competição:

Brasil

Felipão já definiu os 23 atletas da Seleção Brasileira. A maioria dos jogadores faz parte do elenco campeão da Copa das Confederações 2013, então o entrosamento e o jogo coletivo são pontos fortes do time. Neymar, Hulk, Oscar e outros jogadores podem fazer a diferença em jogadas individuais.

Convocados:

Goleiros: Júlio César (Toronto-CAN), Jefferson (Botafogo-BRA), Victor (Atlético-MG-BRA).

Zagueiros: Thiago Silva (Paris Saint-Germain-FRA), David Luiz (Chelsea-ING), Henrique (Napoli-ITA), Dante (Bayern de Munique-ALE).

Laterais: Daniel Alves (Barcelona-ESP), Maicon (Roma-ITA), Marcelo (Real Madrid-ESP), Maxwell (PSG-FRA).

Meio-campistas: Luiz Gustavo (Wolfsburg-ALE), Paulinho (Tottenham-ING), Fernandinho (Manchester City-ING), Hernanes (Inter de Milão-ITA), Ramires (Chelsea-ING), Oscar (Chelsea-ING), Willian (Chelsea-ING).

Atacantes: Hulk (Zenit-RUS), Bernard (Shakhtar Donetsk-UCR), Neymar (Barcelona-ESP), Fred (Fluminense-BRA), Jô (Atlético-MG-BRA).

 

Espanha

Vicente Del Bosque divulgou a pré-lista com 30 atletas. Diego Costa é o destaque, após o atacante ter optado por defender a Fúria ao invés do Brasil. Com um forte jogo coletivo e contando com a posse de bola, os campeões da Copa de 2010 vêm com a mesma base do elenco e com o ataque reforçado.

Convocados:

Goleiros: Casillas (Real Madrid), Reina (Napoli/ITA) e De Gea (Manchester United/ING).

Defensores: Sergio Ramos (Real Madrid), Piqué (Barcelona), Albiol (Napoli/ITA), Javi Martínez (Bayern de Munique/ALE), Juanfran (Atlético de Madrid), Jordi Alba (Barcelona), Azpiliciueta (Chelsea/ING), Carvajal (Real Madrid) e Alberto Moreno (Sevilla).

Meio-campistas: Xavi (Barcelona), Xabi Alonso (Real Madrid), Iniesta (Barcelona), Koke (Atlético de Madrid), Busquets (Barcelona), Cazorla (Arsenal/ING), Iturraspe (Athletic Bilbao), Fàbregas (Barcelona), Thiago Alcántara (Bayern de Munique/ALE), Mata (Manchester United/ING), David Silva (Manchester City/ING), Pedro (Barcelona) e Navas (Manchester City/ING).

Atacantes: Diego Costa (Atlético de Madrid), Villa (Atlético de Madrid), Fernando Torres (Chelsea/ING), Negredo (Manchester City/ING) e Llorente (Juventus/ITA).

 

Colômbia

Manuel Pellegrini também optou por convocar 30 atletas na pré-lista, incluindo o atacante Falcão García, principal estrela do time, ainda em fase de recuperação de uma cirurgia no joelho direito. Contando com jogadores experientes como o zagueiro Yepes, o cabeça de chave do Grupo C enfrenta um grupo equilibrado na busca da classificação.

Convocados:

Goleiros: Ospina (Nice/FRA), Vargas (Santa Fe) e Mondragón (Deportivo Cali).

Defensores: Balanta (River Plate/ARG), Arias (PSV/HOL), Armero (West Ham/ING), Mosquera (América/MEX), Carlos Valdés (San Lorenzo/ARG), Yepes (Atalanta/ITA), Zapata (Milan/ITA) e Zúñiga (Napoli/ITA).

Meio-campistas: Abel Aguilar (Toulouse/FRA), Cuadrado (Fiorentina/ITA), Guarín (Internazionale/ITA), Mejía (Atlético Nacional), Quintero (Porto/POR), Aldo Ramírez (Morelia/MEX), James Rodríguez (Monaco/FRA), Carlos Sánchez (Elche/ESP), Elkin Soto (Mainz/ALE), Macnelly Torres (Al-Shabab/ARA) e Valencia (Fluminense/BRA).

Atacantes: Bacca (Sevilla/ESP), Falcao García (Monaco/FRA), Teo Gutiérrez (River Plate/ARG), Ibarbo (Cagliari/ITA), Jackson Martínez (Porto/POR), Muriel (Udinese/ITA), Luis Perea (Cruz Azul/MEX) e Adrián Ramos (Hertha Berlin/ALE).

 

Uruguai

Óscar Tabárez também divulgou a pré-lista, com 30 atletas compondo seu elenco. Mantendo a base campeã da Copa América de 2011, o ataque conta com Luis Suárez em ótima fase e Edison Cavani em alta no futebol francês, além da experiência ofensiva de Diego Forlán e de Diego Lugano na zaga.

Convocados:

Defensores: Diego Lugano (West Bromwich, Inglaterra), Diego Godín (Atlético de Madri, Espanha), José Maria Giménez (Atlético de Madri, Espanha), Martín Cáceres (Juventus, Itália), Maxi Pereira (Benfica, Portugal), Jorge Fucile (Porto, Portugal), Sebástian Coates (Nacional) e Álvaro Pereira (São Paulo, Brasil).

Meio-campistas: Arévalo Rios (Morelia, México), Walter Gargano (Parma, Itália), Diego Pérez (Bologna, Itália), Sebástian Eguren (Palmeiras, Brasil), Álvaro González (Lazio, Itália), Alejandro Silva (Lanús, Argentina), Cristian Rodríguez (Atlético de Madri, Espanha), Gastón Ramírez (Southampton, Inglaterra) e Nicolás Lodeiro (Botafogo, Brasil).

Atacantes: Luís Suárez (Liverpool, Inglaterra), Edinson Cavani (PSG, França), Diego Forlán (Cerezo Osaka, Japão), Abel Hernández (Palermo, Itália) e Cristian Stuani (Espanyol, Espanha).

 

Suíça

O técnico da Suíça Ottmar Hitzfield divulgou a lista definitiva dos 23 jogadores que irão defender a seleção. A principal estrela do elenco é o meia Xherdan Shaquiri, que atua no Bayern de Munique. A última seleção a derrotar a Seleção Brasileira, em amistoso realizado em 2013, a cabeça de chave do Grupo E enfrenta seleções tradicionais, como a França.

Convocados:

Goleiros: Diego Benaglio (Wolfsburg), Roman Bürki (Grasshopper), Yann Sommer (Basel)

Defensores: Steve von Bergen (Young Boys de Berna), Johannes Djourou (Hamburgo), Michael Lang (Zurich Grasshopper), Stephan Lichsteiner (Juventus de Turim), Ricardo Rodriguez (Wolfsburg), Fabian Schär (Basel), Philippe Senderos (Valencia), Reto Ziegler (Sassuolo Calcio)

Meio-campistas: Tranquillo Barnetta (Eintracht Frankfurt), Valon Behrami (Napoli), Blerim Dzemaili (Napoli), Gelson Fernandes (Freiburg), Gökhan Inler (Napoli), Xherdan Shaqiri (Bayern de Munique), Valentin Stocker (Basel)

Atacantes: Josip Drmic (Bayer Leverkusen), Mario Gavranovic (FC Zurich), Admir Mehmedi (Freiburg), Haris Seferovic (Real Sociedad), Granit Xhaqa (Borussia Mönchengladbach)

 

Argentina

Alejandro Sabella divulgou a pré-lista dos jogadores que irão defender a Argentina no mundial. O técnico possui um dos elencos mais poderosos da competição, contando com estrelas como Messi, Aguero, Higuain e Palacio. Ainda assim, houve grande repercussão na ausência de Carlos Tevez, que teve uma grande temporada na Juventus.

Convocados:

Goleiros: Mariano Andújar (Catania-ITA), Agustín Orion (Boca Juniors) e Sergio Romero (Monaco-FRA);

Defensores: José Basanta (Monterrey-MEX), Hugo Campagnaro (Inter de Milão-ITA), Martín Demichelis (Manchester City-ING), Federico Fernández (Napoli-ITA), Ezequiel Garay (Benfica-POR), Lisandro López (Getafe-ESP), Gabriel Mercado (River Plate), Nicolás Otamendi (Atlético Mineiro-BRA), Marcos Rojo (Sporting-POR) e Pablo Zabaleta (Manchester City-ING);

Meias: Fernando Gago (Boca Juniors), Javier Macherano (Barcelona-ESP), Angel Di María (Real Madrid-ESP), Éver Banega (Newell’s Old Boys) , Lucas Biglia (Lazio-ITA), Maximiliano Rodríguez (Newell’s Old Boys), Augusto Fernández (Celta-ESP), José Sosa (Atlético de Madrid-ESP), Enzo Pérez (Benfica-POR), Ricardo Álvarez (Inter de Milão-ITA) e Fabián Rinaudo (Catania-ITA).

Atacantes: Sergio Agüero (Manchester City-ING), Franco Di Santo (Werder Bremen-ALE), Gonzalo Higuaín (Napoli-ITA), Ezequiel Lavezzi (PSG-FRA), Lionel Messi (Barcelona-ESP) e Rodrigo Palacio (Inter de Milão-ITA).

 

Alemanha

O técnico Joachim Löw divulgou a lista dos 30 pré-convocados que irão defender a seleção alemã. A base do time é a mesma da campeã da Eurocopa de 2012, mas tendo como principal ausência o centroavante Mario Gomez e presença do veterano Miroslav Klose, que deve disputar sua quarta Copa do Mundo. Tendo um dos elencos mais poderosos do Mundial, a Alemanha tem diversos jogadores que podem definir o rumo de uma partida.

Convocados:

Goleiros: Manuel Neuer (Bayern), Roman Weidenfeller (Borussia Dortmund) e Ron-Robert Zieler (Hannover).

Defensores: Jerome Boateng (Bayern), Erik Durm (Borussia Dortmund), Kevin Großkreutz (Borussia Dortmund), Benedikt Höwedes (Schalke 04), Mats Hummels (Borussia Dortmund), Marcell Jansen (Hamburgo), Philipp Lahm (Bayern), Per Mertesacker (Arsenal), Shkodran Mustafi (Sampdoria) e Marcel Schmelzer (Borussia Dortmund).

Meio-campistas: Lars Bender (Bayer Leverkusen), Julian Draxler (Schalke 04), Matthias Ginter (Friburg), Leon Goretzka (Schalke 04), Mario Götze (Bayern), André Hahn (Augsburg), Sami Khedira (Real Madrid), Toni Kroos (Bayern), Max Meyer (Schalke 04), Thomas Müller (Bayern), Mesut Özil (Arsenal), Marco Reus (Borussia Dortmund) e Bastian Schweinsteiger (Bayern).

Atacantes: André Schürrle (Chelsea), Lukas Podolski (Arsenal), Miroslav Klose (Lazio) e Kevin Volland (Hoffenheim).

 

Bélgica

Marc Wilmots divulgou a pré-lista com 30 atletas. A seleção foi a sensação das Eliminatórias Européias da Copa do Mundo de 2014. Contando com uma geração de jogadores talentosos, a surpresa da convocação foi o jovem atacante Januzaj, do Manchester United. Com a espinha dorsal do time formada com o goleiro Courtois, o zagueiro Kompany, os meias Witsel e Fellaini, e Lukaku e Hazard no ataque, a seleção belga pode ser a grande surpresa nesta edição da Copa.

Convocados:

Goleiros: Courtois (Atlético de Madri-ESP), Mignolet (Liverpool-ING), Casteels (Hoffenheim-ALE), Proto (Anderlecht-BEL).

Defensores: Alderweireld (Atlético de Madri-ESP), Borre (Anderlecht-BEL), Ciman (Standard de Liège-BEL), Kompany (Manchester City-ING), Van Buyten (Bayern de Munique-ALE), Vermaelen (Arsenal-ING), Lombaerts (Zenit-RUS), Vertonghen (Tottenham-ING).

Meias: Witsel (Zenit-RUS), Defour (Porto-POR), Fellaini (Manchester United-ING), Dembélé (Tottenham-ING), Chadli (Tottenham-ING), De Bruyne (Wolfsburg-ALE).

Atacantes: Lukaku (Everton-ING), Divock Origi (Lille-FRA), Hazard (Chelsea-ING), Mertens (Napoli-ITA), Mirallas (Everton-ING), Januzaj (Manchester United-ING).

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>